Chame no Whatsapp

Curso de falar em público: Porque você não deve se inscrever?

Álgebra foi a principal causa da minha desistência do curso de engenharia mecânica em uma das universidades federais do sul do país. Se eu tinha que culpar alguém ou alguma coisa pelo meu fracasso, por que não esta coisa que eu adorava odiar e que eu não entendia o que ela tinha a ver com o fato de ser engenheiro?

Até que me explicaram que aquela, por mim injustiçada matéria, tinha entre outros nobres propósitos, o de treinar o lado matemático da mente para que quando chegasse o grosso dos cálculos de resistência de materiais e outros senos e cossenos da vida de um engenheiro, ela já estaria “amaciada” para eles. Pena que já era tarde demais para mim!

Para falar bem em público, assim como para ser um bom engenheiro, algumas matérias precisam ser aprendidas primeiro.

O que fazer antes de se inscrever em um curso de falar em público?

Antes de se inscrever em curso de falar em público, assegure-se de se aprovar nas seguintes matérias:

  • Escuta empática. Você tem razão, me desculpe! Eu entendi o que você quiz dizer E… (não mas). Por favor no início das frases e Obrigado no final delas.
  • Obrigado inclusive pelos mínimos gestos.
  • Olhar nos olhos quando escutar e quando falar.
  • Português polido e rico.
  • Sorrir para os outros e rir de si mesmo níveis iniciante, intermediário e avançado 1, 2 e 3.
  • Cumprimentos voluntários e generosos.
  • Organização e controle de tempo.
  • Autocontrole e capacidade de pensar logicamente mesmo sob tensão.
  • Silenciar-se.
  • Domínio do assunto nível hard.
  • Autenticidade nível master.

Você vai perceber que estas matérias não terminam com o ano letivo, que a todo momento tem teste surpresa e sem consultas e que se um dia acabar o processo de aprendizagem foi porque você não conseguiu mais participar das aulas. O lado bom é que em um determinado momento do estudo, você vai se descobrir falando em público como jamais imaginou falar e sem mesmo ter frequentado um curso específico para isso.

Agora, se seu intento é construir um legado através da comunicação que envolva algum tipo de palco, mídia falada e escrita, importantes negociações, alto nível de influência, persuasão e impacto motivacional, aí sim você vai querer se inscrever em um bom programa de apresentações públicas. Se você me perguntar, eu posso lhe indicar uma meia dúzia deles. Como um último pensamento, deixo este para você…

“Conheci um comunicador tão bom que ele era capaz de ouvir qualquer pessoa!”

Silvano Beroli

Consultor empresarial, Analista de perfil comportamental e Instrutor de treinamentos

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Veja também

Rolar para cima